Passageiros reclamam de voos cancelados sem aviso prévio no aeroporto de Ribeirão Preto

Clientes com viagens marcadas para cidades como Recife (PE) e Cuiabá (MT) alegam que companhia não avisou com antecedência sobre a medida.

Passageiros reclamam terem sido informados em cima da hora sobre o cancelamento de voos saindo do Aeroporto Estadual Leite Lopes, em Ribeirão Preto (SP), entre a noite de quarta-feira (25) e a manhã desta quinta-feira (26). Parados no saguão do terminal durante a manhã, eles disseram que tinham como destino cidades como Recife (PE), Cuiabá (MT) e Maceió (AL) e que a empresa responsável, a Azul, chegou a redirecioná-los para voos saindo de Campinas, mas não deram suporte para o deslocamento.

"Cheguei ontem [quarta-feira] por volta da meia-noite, minha passagem estava marcada para as 5h55 da manhã [de quinta-feira].

Quando deu cinco da manhã eles vieram nos informar que o voo tinha sido cancelado, mas não avisaram com antecedência", reclama o soldador Metuzael Pedro da Silva. O G1 aguarda um posicionamento da Azul. O Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp) informou que todas as decisões relativas à venda de passagens e ao cancelamento de voos são de responsabilidade das empresas aéreas. "A parte administrativa sob responsabilidade do Daesp, no aeroporto Leite Lopes, mantém o funcionamento regular, porém os serviços fornecidos pelos concessionários estão interrompidos por decisão operacional de cada entidade", acrescentou. Saguão do Aeroporto Leite Lopes, em Ribeirão Preto Michele Souza/CBN Ribeirão Sem embarque O auxiliar de automação José Neto do Nascimento trabalha em Ribeirão Preto há quatro meses e tinha um voo marcado para a manhã desta quinta-feira para o Recife, onde vive sua família.

Mas, segundo ele, a viagem foi remarcada para o aeroporto de Campinas (SP), sem suporte para o deslocamento entre os terminais. "Remarcaram nossa passagem.

Diz que era pra gente ir diretamente pra Campinas e em Campinas a gente ia pegar um voo para Recife.

É isso.

É tudo por nossa conta.

Estamos fazendo até um acordo para rachar o dinheiro de um Uber pra poder levar a gente até o aeroporto", diz. A cozinheira Maria Aparecida do Nascimento conta que teve voo cancelado sem prévio aviso em Ribeirão Preto Michele Souza/CBN Ribeirão A cozinheira Maria Aparecida do Nascimento conta que veio a Ribeirão Preto há um mês para um tratamento contra a depressão e que tinha a viagem de volta programada para Cuiabá (MT) para esta quinta-feira, mas que foi avisada em cima da hora.

"Falaram que eu tenho que me deslocar de onde estou para Campinas, tirar dinheiro do meu bolso, para eu poder viajar amanhã [sexta-feira, 27]", afirma. Com o voo para Maceió (AL) cancelado ainda na noite de quarta-feira, o soldador Adriano da Silva também afirma que foi informado de que poderia embarcar em outro voo nesta quinta-feira, mas para o Recife, com saída do aeroporto de Campinas.

Ele afirma que cogitava alugar um carro com outros dois amigos para conseguir chegar ao destino.

"Eles não dão ajuda de nada pra gente." Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca
Categoria:SP - Ribeirão Preto e Franca